Hoje você vai conhecer o biribá!


Biribá verde
      Oi amigos, hoje vocês vão conhecer uma fruta envolta em mistérios,  exótica para a maioria, mas bastante  popular em algumas regiões do Brasil.
      Estou falando do biribá, que por fora, tem saliências  pontudas, mas que não ferem  sua mão e por dentro, é detentora de um conteúdo polposo e delicioso! Você pode até estranhar sua forma esquisita, com protuberâncias que parecem pequenos cones. Mas se experimentar e sentir sua polpa branca, macia e suculenta, de sabor adocicado, com certeza vai se amarrar! Bora conhecer suas características e benefícios?
A árvore do biribá atinge entre seis e dezoito metros  de altura, (dependendo da região) ramificando-se desde a base, culminando numa copa estendida. As folhas têm entre 12 a 15 centímetros de comprimento. Veja como é lindo o tronco da árvore de biribá: todo salpicado de branco e cinza!
Árvore do biribá
Possui vários nomes populares, além do biribá, tais como,  araticum, fruta-do-conde, fruta-da-condessa, condessa, ariticum e  graviola-brava. Fica à sua escolha! E se você conhecê-lo por outro nome, deixe nos comentários para que eu possa acrescentar ao artigo, ok? 
Biribazeiro cujo  nome científico é (Rollinia mucosa) é uma árvore originária do ocidente da Amazônia e da Mata Atlântica pluvial (do Rio de Janeiro a Pernambuco), que se desenvolve bem em zonas com temperaturas médias de 20 a 24 °C, com precipitação anual de 1.500mm, em solos férteis e  bem drenados. Exatamente  as condições onde eu me encontrava com minhas lindas priminhas, Tais e Marisa, as garotas- propaganda deste post! :))))
A árvore de biribá, é uma planta produtora de grande quantidade de sementes.É bastante cultivada em pomares domésticos, principalmente na Amazônia e no Nordeste do país. Geralmente começa a produzir aos quatro anos de idade.
As flores são hermafroditas, solitárias ou aos pares, com três sépalas e seis pétalas, cor verde-claro e odor característico, e se formam entre julho e setembro. Eis um exemplo das flores:
Flores de biribá
O fruto é um sincarpo cônico ou globoso com epicarpo grosso de cor verde, que muda para amarelo quando madura. Veja abaixo como tive a  sorte de captar, em uma única imagem, a diferença entre o biribá verde e o madurinho! O verde é mais duro, ao passo que quando amadurece, sua casca vai tornando-se menos espessa e mais macia e adquirindo a cor amarelo ouro.
Biribás maduros e verdes
É uma das frutas mais difundidas e cultivadas no Estado do Pará. Dizem não ser muito adequada ao preparo de doces, pois é muito mais saborosa  se consumida ao natural.  Suas sementes reduzidas a pó,  são usadas na medicina caseira como remédio contra a enterocolite. Enterocolite é uma inflamação do intestino delgado e do cólon, responsável por provocar cólicas,  diarreia,  vômitos, mal-estar e febre A enterocolite aguda é uma inflamação bacteriana ou viral. Neste caso, as semente do biribá, fazem milagres e aliviam muito os sintomas. 
Encontra-se em grande dispersão, desde o Caribe até o extremo sul da Amazônia. Por muito tempo supôs-se que o biribá tivesse ser originado nas Antilhas, onde teria sido trazido para a Amazônia. No entanto, várias espécies silvestres similares, ocorrem em diferentes lugares. Por isso ser tão  difícil a determinação precisa de sua origem.
Para pesquisadores na área da fruticultura, o biribá é o mais importante representante da família das Anonáceas, devido à sua característica.
A árvore pode atingir até dezoito metros de altura, culminando numa copa estendida. Veja como é linda a copa da árvore do biribá. Aliás, eu até que tentei pegar aquela fruta lá no alto, mas os galhos ainda úmidos do orvalho da manhã, me impediram de subir na árvore…rsrs Mas na próxima não me escapa! 
Biribá no alto do pé de biribazeiro
Você já notou que o fruto é cônico ou globoso, depende da região onde nasce,  mas sempre de casca bem grossa e  de cor  amarelinha quando madurinha. É  bastante rica em proteinas, lipidios, fibras, cálcio, ferro, vitaminas b1, b2, niacina, aminoácidos, lisina dentre outros. O fruto é consumido fresco e também pode ser fermentado para fazer vinho. O pó de suas sementes, como já disse anteriormente, são usadas para combater a enterocolite. Portanto, no biribá, tudo se aproveita!!! Esse eu devorei no pé  mesmo, logo depois de tirá-lo. Ele estava quase inteiramente maduro!!
Meu biribá 
A polpa é branca e abundante, de sabor doce. Pesa de 300 a 1.300 gramas, atingindo de 10 a 14 cm de comprimento e 6 a 16 de diâmetro amadurecendo  de novembro a maio.  Estamos em plena época do biribá! Contém numerosas sementes.
Veja só que lindas, Marisa e Tais,  segurando o biribá para vocês verem como é a polpa ao vivo e a cores.  A polpa é essencialmente branca com alguns tons de amarelo bem clarinho, e as sementes ficam envolvidas pela parte polposa branca que tem um sabor adocicado, mas com um certo azedinho. Bem eu senti um sabor azedinho também, mas vai depender do paladar de cada um.  É  uma mistura de sabores que dá certo e torna o fruto muito especial!
Polpa do biribá
Apesar de ser pouco cultivado comercialmente, o biribazeiro pode ser encontrado em quintais de residências nas cidades. O biribá é propagado e cultivado através de sementes. 
Que tal plantar uma no seu quintal hem?E se quiser saber mais detalhes, veja aqui neste vídeo vapt-vupt. Até mais queridos amigos! Tomara que ainda sintam a experiência de provar algo tão saboroso assim! 
Beijos  e até mais! :))


Fontes de  pesquisa : Brasil sabor  e  www.bibvirt.futuro.usp.br
Imagens de arquivo pessoal e google imagens

40 comentários:

  1. ADRIANA:Esse fruto creio que é a graviola.Próximo da minha casa havia uma árvore que dava muitos frutos, mas cortaram esta árvore.Isso faz muito tempo!Quando criança, tinha um hábito de entrar no quintal da vizinha e comer bastante dessa delícia....rsss!É um fruto gostoso, meio azedinho.Dar muito dessas frutas por Pernambuco.Ela é comum aqui no Nordeste, isso se for mesmo o que imagino.Pela imagem, parece ser.È bem semelhante a uma pinha. Não sabia que ela tem tantas vitaminas.As suas primas são lindas!Beijos, minha linda amiga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria, muito boa tarde querida!!!
      Obrigada pela presença tão linda e especial!
      Ah, é bem verdade amiga! A casca a graviola é muito parecida com a casca do biribá!
      Ambos tem muitas semelhanças, principalmente no sabor!
      Mas o biribá é ainda mais rústico do que a graviola..rsrs
      Enquanto a graviola é mais delicada e de sabor mais conhecido, o biribá é mais raro de encontrar! Conheço os dois e gosto deles de montão!! É bom demais da conta!

      E você acertou de novo amiga, o biribá também é parecidíssimo com a pinha, inclusive a polpa!! Veja só como o nosso país é rico na flora! Existem tantas famílias de plantas cujas características se assemelham! É incrível não é mesmo?
      Somos privilegiados por viver em um país tão bonito!!

      Obrigada pela participação querida, sabe que adoro muito!!
      E não se esqueça de me dar as últimas notícias sobre o seu projeto academia tá?
      Estou aqui torcendo!! :))))))
      Beijos e uma semana maravilhosa, cheia de encantos!

      Excluir
  2. Boa noite Querida Dri,olha que
    finalmente descobri o caminho
    do tesoiro!

    O de vir cá,é fechar todas as páginas nesse
    horário e eis tudo calmo,levinho,uma maravilha!

    Pude passear a vontade,amenizar as saudades
    que tinha de vir visita-la serenamente,sem pressa.

    O interessante do birinbá é que onde nasci
    ele é conhecido como gravilola,meu pai
    aprecia muito o sumo e sempre faz questão
    de te-lo em casa.

    Só não sabia desses outros nomes e o bem
    que faz a saúde,como combater inflamação
    do intestino delgado e do cólon,um mal que sofre-se
    muito na região,devido os problemas da
    água potável.

    Irei até mostrar a minha mãe, a respeito das
    semente,ela vai apreciar por demais,
    essa boa nova.

    Agora pelas fotos da árvore,ela faz lembrar o
    da pinha e meio que um bocadinho a
    magueira na forma da copa.

    Está como sempre uma partilha
    belissima,rica em todos os aspectos
    tanto no texto,quanto nas fotos,falando
    em foto, quem são essas miudas tão
    lindas?

    Uma sei que sois Tu (risos)

    Bem, não irei alongar-me mais,pois ainda
    quero divulgar nas minhas redes
    essa tua maravilha.

    Muito grata pelo carinho,pela tua dedicação
    em ofertar-nos sempre o melhor e mais
    bonito de Ti.

    Meu carinhoso abraço,que a seja
    abençoada tua quarta-feira.

    Até breve

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda Ronilda e também Sofia!
      Ambos os nomes encantadores que onde chega, só traz alegria e muita felicidade no coração de quem recebe palavras tão lindas!

      Mas que bom que achou um novo atalho para chegar aqui querida, sei que o meu blog é um tantinho pesado, demora a carregar, mas por ser antigo, quase três anos, está precisando de uma modificação para tornar-se mais leve. Logo vou resolver este problema! :D

      Mas por ora agradeço pela paciência em esperar abrir a página e poder dar uma olhadinha no biribá, que realmente assemelha-se muito com a graviola e a fruta-do-conde.Creio que são todas espécies da mesma família, tamanha as similaridades entre estas frutas incríveis e saborosas!! Sim, ele é ótimo para combater inflamações do intestino delgado. O remédio é preparado a partir das sementes!

      Ah, na foto da árvore estão minhas primas pequeninas Tais e Marisa. Ambas minha companheiras de aventuras desde que tinham apenas 5 aninhos...rsrs Agora já mais crescidinhas, me ensinam todas as maravilhas das frutas que estão aninhadas perto de ambas as casas de seus pais! Moram em um paraíso natural, onde o verde impera e a saúde está sempre em dia!! :)))))

      Agradeço demais seu carinho, sua paciência, seu emprenho em compartilhar!
      Grata por sua generosidade e amor, querida poetisa!
      Beijos e uma linda semana, de puros e encantados sonhos!!!

      Excluir
  3. Esta Meninona é Cultura - Na África é a Fruta do Conde. É exatamente assim e é sim uma delícia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rui, muito boa tarde amigo!
      Mas sabe o que é o mais incrível de tudo isso?
      Todas essa variedade de frutas exóticas encontramos no quintal da casa da Vovó..rsrs
      Lá tem de tudo e mais um pouco e nem preciso sair pelo mundo a procura de novidades que só existem em locais afastados e remotos!
      Lá é a natureza viva pulsando intensamente!!
      Melhor do que ir até à Àfrica para trazer a fruta-do-conde até nós, não é mesmo? rsrs

      Abraços com carinho e uma semana maravilhosa!
      E obrigada pela presença, estava mais sumidinho, mas retornou, o que me deixa feliz!
      Tenha uma emana maravilhosa!

      Excluir
    2. Eu gostaria de saber como faço para plantar, se a comente tem que está seca, ou imatura mesmo? Amor essa fruta, vou tentar plantar, e cortar sempre pra ela não ficar muito alto pois moro na cidade, daí já viu como é quando temos árvores.

      Excluir
    3. Alcileide, pode plantar ela como qualquer outra árvore!
      Ela cresce muito, pode chegar até a 18 metros de altura, por ser uma árvore muito frondosa!
      Fará uma sombra fantástica no seu quintal e ainda te dará frutos maravilhosos!

      Seja sempre bem vinda ao blog querida!
      Se quiser conhecer aqui também tem matérias sobre o Ingá, o cupuaçu, o cacau e cajá, além de outros...
      Um grande abraço e ótima semana!

      Excluir
  4. Oiii Adriana, que lindo esse fruto, não conhecia seus beneficios, conheço uma menor que é a ATA ou Fruta do Conde, mas a árvore não é tão grande como essa! Bjoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kellen, boa tarde minha amiga linda e viajante!
      Nossa, fico feliz demais que aqui esteja comigo!

      Também viajei para encontrar o biribá, esta fruta tão exótica...rsrs
      Fui até à casa de minha avó, um lugar em meio à natureza, maravilhoso!
      Ele realmente se parece com a fruta-do- conde, são parentes, só pode ser...rsrs
      A árvore do biribá é bem grande não é mesmo? Linda mesmo, só não tive coragem se subir devido à sua altura...rsrs

      Beijos e muito obrigada pela presença querida!
      Tenha uma semana de felicidade, sempre!! :)))

      Excluir
  5. Olá Adriana,
    Como foi dito no vídeo valeu o dia, porque eu não conhecia esta fruta e a estava confundido coma graviola, é por isso que sempre digo de que devemos sempre estar abertos a novos conhecimento e este foi mais um aprendizado para mim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde Alfeu!! Que honra recebê-lo aqui amigo!

      Pois é, é por isso que sempre gosto de postar um vídeo onde a fruta é mostrada com detalhes após o post! Assim o amigo tem uma noção espacial representativa da fruta e consegue diferenciar de outras também tão parecidas!!!
      Afinal, o biribá é cheio de parentes, muito semelhantes, senão praticamente iguais..rsrs

      Fiquei feliz que tenha apreciado amigo!
      Um grande abraço e uma especial semana!

      Excluir
  6. Oi Adriana,

    Tive curiosidade de conhecer a fruta. Vim então ao seu magnífico blogue e uma coisa lhe posso dizer: fiquei a saber mais qualquer coisinha com esta visita. Não conhecia esta fruta nem em sonhos, pelo que o meu conhecimento se alargou...Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Antonio, boa noite meu amigo lusitano!
      É sempre uma honra recebê-lo aqui!
      Ainda mais em um post totalmente diferente não é?
      Com certeza o biribá não é encontrado em terras portuguesas, e se for, deve ser um pouquinho mais diferente. Aliás, existem frutas muito parecidas, tais como a fruta-do conde, a graviola e até a pinha. Todas exóticas, mas de sabores e consistência parecidas!

      Fico muito feliz que tenha gostado, muito obrigada amigo!
      Tomara que sempre retorne, é muito bem-vindo!
      Abraços e uma semana maravilhosa! :)))

      Excluir
  7. Olá,Boa tarde, querida amiga Adriana
    sim, conhecia biribá ( tenho cunhado e cunhada que nasceram no Pará.).Aqui, conhecia mais a fruta-do-conde ou graviola brava. Puxa, é bastante rica, mesma, em proteinas, lipidios, fibras, cálcio, ferro, vitaminas etc....
    Gostei do "novo" teor de postagem...parabéns!
    Estão lindas, vc, Marisa e Taís nos mostrando o biribá.
    Obrigado pelo carinho, belos dias,beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito boa tarde meu querido poeta Felis!
      Ai que maravilha que você já tenha conhecido o biribá!!
      Então já sabe toda a consistência da fruta! É boa demais né?
      Que legal que tenha parentes nascidos no Pará! Maravilha!!!

      Ela tem o nome de fruta-do-conde em algumas regiões e é toda vitaminada...rsrs
      Gostou mesmo do artigo assim, mais natural e informativo? Que bommmmmm!!!!!!
      Frutas exóticas são bem interessantes para a gente desvendar não é mesmo?
      Ah, minhas priminhas são especiais, tão meigas!!! Morro de saudades das duas!

      Eu que agradeço por seu carinho amigo!
      Se cuida, sara rapidinho tá?
      Beijos e já desejo quase um fim de semana maravilhoso, afinal amanhã já é sexta-feira!
      O ano está literalmente voando!!! :))))
      Até!!!!

      Excluir
  8. Olá querida Adriana,

    Conheço o biribá como fruta-do-conde. Já experimentei, mas deve fazer um tempão, pois nem me lembro do sabor. Gostei das informações, principalmente acerca de suas ótimas propriedades. Vou ver com o maridão sobre a possibilidade de plantá-lo em nosso chalé.

    O artigo é excelente.

    As priminhas são fofas.

    Já estava com saudades de sua presença iluminada em meu recanto. Estou sentindo que estou necessitando desse recolhimento que você mencionou lá no meu espaço. Ando num desânimo desanimador-rsrs. Não sei onde foi parar a minha energia. Preciso me recompor. Mas vamos que vamos. Quem sabe uns beribás ajudam?-rsrs

    Obrigada pelo carinho. Você é uma querida.

    Beijão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vera, nossa querida, que bom ter sua presença aconchegante aqui amiga!!
      Então já conhece essa fruta tão especial e "diferentona"...rsrs
      Eu adoro a casca dela: parece uma obra de arte estes pequeninos cones que não machucam a mão! :))))
      Sim, depois de plantar as sementes, em quatro anos o biribazeiro já está dando frutos! É até rápido, pois é uma árvore de grande porte e dá uma sombra linda e fresquinha!
      Vai ficar maravilhoso no quintal do seu sítio amiga!!

      Ah, e minhas priminhas...rsrs São tão amorosas comigo e sempre estão dispostas a ingressar comigo em uma aventura mais animada do que a outra. Em breve postarei o nosso passeio na cachoeira, onde virei criançona novamente...kkkkk

      Pois é amiga, tem momentos que a gente se recolhe mais.. dá um cansaço, é algo inexplicável.... Eu preciso passar por esta fase, estou acessando menos a internet e ficando mais com a família e a natureza.. creio que faz bem amiga! Assim a energia rapidamente é reposta! Tenho certeza que se plantar biribás, ingás e outras frutas em seu sítio, juntamente com se marido e curtir mais a natureza, logo estará a 220 de novo...carregadinha de energia e toda vitaminada ....rsrs
      Eu que agradeço sua presença sempre incrível!!
      Beijos e fica bem tá?
      Tenha uma semana linda, aproveite bem!!

      Excluir
  9. Oi, Adriana, mas que interessante! Confesso que não conhecia este fruto, nunca havia visto nada parecido. Que aspecto exótico, fiquei curioso para saber o gosto. Excelente matéria, parabéns! Eu, mesmo sendo biólogo, não consigo me acostumar com estes termos botânicos, parecem coisa do outro mundo! Mas gostei muito de saber das propriedades bioquímicas desta planta.

    Beijos e um ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia de domingo meu querido amigo Sergio!
      É com muita alegria que o recebo amigo e fico ainda mais feliz que tenha apreciado o biribá!!
      Sim, ele é bastante exótico, todo pontiagudo por fora e por dentro, cheio de conteúdo adocicado!

      Sim amigo, a biologia é extensa demais! Seria impossível guardar tantos termos científicos específicos! Nem se tivesse um computador em sua mente, conseguiria, pois é uma variedade infinita e a cada dia descobrem mais! rsrs Mas é lindo não é? Essa variedade é empolgante!! :)))

      Eu que agradeço amigo, obrigada pela visita! Estou realmente mais afastada da net, mas não vou abandonar! Volta e meia estaremos sempre unidos e obtendo ainda mais conhecimentos recíprocos!!
      Beijos e uma grande e especial semana! :)))))

      Excluir
  10. Não conhecia a fruta, Drica, mas fiquei com vontade de experimentar. beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Barbie, bom dia amiga linda!
      Que bom que agora também conhece esta fruta tão diferente!
      Torço para que a experimente também, pois vai adorar o sabor dela!
      Um misto de docinho com azedinho... uma delícia!!!
      Tenho certeza de que você vai adorar bonequinha!
      Beijos!! :)))

      Excluir
  11. Boa noite amiga!

    Que delicia este teu post literalmente, Dri. Nossa que maravilha hein. Da ate água na boca de vontade de estar num lugar verde assim. Eu amo a natureza e tudo que vem dela.
    Quanto ao biribá o mais proximo que conheço e pinha e graviola. Por dentro é muito parecido mas pela casca nota-se que é outro fruto. Tem uma certa diferença. Minha irma tem um sitio e adora novidade pra levar pra la. Ela vai gostar de plantar lá, Vou comentar com ela.

    Que meninas lindas hein? Alias tudo lindo como sempre nos posts que você faz. Adoro!

    Uma boa noite e linda semaninha pra voce, flor!

    PS: Respondi teu comentario la no post de niver,viu?
    Muito obrigada pelo carinho, amiga!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda poetisa Lu!! Boa noite amiga querida!!

      Nossa, dá água na boca mesmo querida, o fruto é uma delícia!
      Tem exotismo, mas tem sabor e gostosura! E o lugar é lindo não é? E na casa da Vovó!
      Lá tudo é tão bonito, é natureza pura se desmembrando e nos encantando!
      Sim, o biribá se parece bastante com a graviola e a pinha! Até já comentei que eles devem ser parentes..rsrs São semelhantes e até o gosto é parecido! Todos muito gostosos, isso sim! :))) fala para sua maninha plantar o biribá! Vai dar frutos depois de 4 anos e ainda enfeitar o sítio dela! É lindo!!!

      Ah e minhas priminhas são especiais e parecem que são duas florzinhas lá plantadas! Uma meiguice que é quase tão doce quanto os biribás!!! rsrs
      Sim, vou lá no seu cantinho! Sabe que adoro né amiga?
      Eu qye estou mais afastadinha dos blogs, estou com pouco tempo!
      Agora estou menos presente, mas jamais ausente!!! :)))

      Beijos e muito obrigada querida! Tenha uma semana maravilhosa, de encantos mil!
      Beijos, beijinhos com carinho!!!

      Excluir
  12. Hummm, logo pela manhã? Isso é covardia, vou passar o dia com saudades da casa de minha mãe, onde elas abundam doces e suculentas... As atas... Eu saia comendo pelo quintal e jogando as sementes aqui e ali, em poucos anos tínhamos vários arbustos já frutificando...
    Obrigado!
    beijãp

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Djair, que prazer ter você aqui neste dia tão especial!
      Fico feliz demais com a sua presença!
      Estava com saudades! Bom demais! :)))

      Sim, logo pela manhã, de tarde e também de noite, o biribá só faz bem de tão gostoso que é!!
      Que delícia, na casa da sua mãe tem um pé? Uauuu, que maravilha!
      E os arbustos também renderam novas árvores? Então preciso fazer uma visitinha...rsrs

      Obrigada pelo carinho da presença amigo, é sempre um prazer ter a sua companhia!
      Beijos e um finzinho de semana ótimo, afinal, nesta tem feriado na sexta não é?
      Uhuu, bom demais!! :))))))

      Excluir
  13. Que maravilha de roca, muito lindo o pe da fruta do conde, nossa quando vi esta imagem me fez fazer uma viagem, quando crianca roubava muito estava fruta na casa de uma vizinha, ha bons tempos foi minha infancia, tudo de bom para vce, abracos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, fico muito feliz com a sua visita e participação!!
      Seja sempre bem vindo ao blog de todo o coração!! ♥♥
      É uma delícia a fruta e nos traz recordações maravilhosas da infância!!!
      Volte sempre!!
      Abraços!!

      Excluir
  14. Nossa vou ver se acho pra tomar o chá pois tenho retocolite problema sério no intestino,as cólicas são de Mata quem sabe não resolvera.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Antonia, seja bem-vinda!
      Creio ser melhor consumir o biribá ao natural, é mais saboroso!
      Tomara que tenha sido resolvido seu problema querida!
      Linda semana!

      Excluir
  15. Boa noite
    Só para esclarecer, a biribá embora tenha aparência com a graviola não se trata da mesma fruta. A biribá é doce e casca não é fina como da graviola. Também não é a mesma que atenoia, pinha, fruta do Conde ou ata, pois quando está madura fica de cor amarelo e polpa mole bem diferente da pinha ou atenoia.
    Espero ter ajudado.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lucilena, seja muito bem-vinda ao blog Vivendo a Vida bem Feliz!:)))))
      Fico muito feliz que conheça o biribá com essa riqueza de detalhes, pois sabe que faz bem demais para a nossa saúde!
      Adorei suas sugestões e exemplificações, obrigada!
      Ele tem várias denominações pelo nosso rico Brasil e seus benefícios para a saúde são espetaculares!
      volte sempre querida e tenha uma semana maravilhosa!
      Beijos!

      Excluir
  16. Meu nome é Francisco Paulo. Hoje sou mais velho que rascunho da bíblia, rsrsrs,,, mas na minha infância (há aprox. 50 anos), eu passava as férias num sítio em Tanguá, RJ, que tinha um pé de Biribá. Lembro que era uma árvore alta (é essa mesmo?) e que dava esse fruto delicioso.
    Um abraço e Feliz Páscoa p. você e todos os seus.
    Chiquinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Francisco, seja muito bem-vindo !
      Velho nada, está no auge da juventude! :))))
      Sim, o pé de biribá é uma árvore altíssima podendo chegar até a dezoito metros de altura...
      É muito coisa não é?
      O fruto é uma delícia e como faz bem!
      Para mim, tem um gostinho de cacau misturado com cupuaçu...rsrs

      Agradeço sua presença e convido para voltar muitas e mais vezes ao blog!
      Aqui tem outras frutas igualmente benéficas para a vida e que ainda lembram a infância com um gostinho de quero mais!!
      Feliz semana e maravilhoso tempo de Páscoa!:))))
      Abraços!!

      Excluir
  17. Parabéns pelo seu artigo. É possível enviar algumas sementes pra mim, ou quem sabe uma muda. Posso lhe enviar o valor do custo da muda e frete. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Joaquim Alves de Oliveira!!
      Seja sempre muito bem-vindo ao blog Vivendo a Vida bem Feliz!!

      Agradeço a gentileza do elogio e por ter gostado do artigo!
      Para fazer este post com o biribá , eu tive que ir na roça, no sítio da minha Vovó, que tem muitas árvores frutíferas!!!
      Ocorre que eu não comercializo sementes ou mudas, apenas gosto de divulgar aqui no blog os benefícios de uma alimentação saudável conjuntamente com a prática de exercícios físicos! :)))
      Mas creio que em uma feira livre você encontre sementes ou mudas de biribá para plantar!
      Você vai encontrar, com certeza!!!
      Volte sempre!!!

      Abraços e ótima semana!!! :)))

      Excluir
  18. Oi

    Conheci esse fruto hoje, um aluno trouxe para mim.
    Sou do Rio, mas estou trabalhando no Pará, essa fruta aqui é muito conhecida e apreciada, enquanto que no Rio, nunca ouvi falar nela.

    Muito legal seu blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fabiano, seja sempre muito bem-vindo!!

      O biribá é uma fruta maravilhosa e de conteúdo altamente nutritivo!!
      Realmente na região sudeste ela é mais rara, mas bastante apreciada!
      Parabéns por estar no Pará, aí a flora é riquíssima!!! Uma maravilha!!!
      Agradeço o carinho da presença e já estou acompanhando o seu blog também!!
      Abraços e ótima semana! :)))))

      Excluir
  19. boa tarde, essa fruta da para fazer vitamina ou suco? meu sogro tem um pe no quintal dele e qeria saber se da pra utilizar ela de outra forma para consumo rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, boa tarde!
      Pena que não deixou seu nome, mas está convidado a retornar sempre ao blog!!! :))

      Sim, pode fazer suco e até vitaminas com o biribá!! Ele é ótimo!!
      Tire a casca, sementes e separe a polpa branca! É com ela que você fará o suco!!
      Junte bastante polpa branquinha, coloque no liquidificador com água ( adoce) se quiser, e saboreie bem gelado!! É uma delicia!!
      Mas eu prefiro comer a fruta naturalmente, pois o sabor fica mais evidente ao natural!!
      Se experimentar você vai gostar também, experimente!! :))

      Volte sempre!!
      Um ótimo final de semana!!
      Abraços!! :))

      Excluir

Fique à vontade para expressar seus sentimentos e sugestões.
Você é sempre muito bem-vindo(a)! Obrigada e Abraços!

Tecnologia do Blogger.